Skip to main content

Home/ Colaboratorio Educa/ Group items tagged energia Conferência de Copenhague

Rss Feed Group items tagged

Colaboratorio Educa

"Uma ocasião desperdiçada. Esse pacto nasce velho". Entrevista com Jeremy Rifkin - 0 views

  •  
    Conferência de Copenhague.. reportagem jornal La Repubblica, 20-12-2009. A tradução é de Moisés Sbardelotto. A possibilidade de uma interrupção do processo de negociação era, no entanto, muito concreta. A Europa é a maior economia mundial. É chamada a assumir a responsabilidade da liderança: deve liderar o processo, não se somar a escolhas externas. E tem a possibilidade de fazer isso porque dispõe de líderes capazes de visão e de setores econômicos avançados: desperdiçar essa ocasião seria um erro gravíssimo. O que significa na prática assumir a liderança econômica? Liderar a Terceira Revolução Industrial, baseada na eficiência energética e nas energias renováveis, no hidrogênio e nos edifícios que produzem mais energia do que a que consumimos. Sobre esse projeto, pode-se forjar uma frente que compreenda países de tecnologia avançada e países em desenvolvimento, oferecendo os instrumentos mais avançados para quem ainda não desenvolveu a Segunda Revolução Industrial. Desse modo, é possível pular uma fase de desenvolvimento, levando por exemplo as energias renováveis a quem nem conectou a rede elétrica e mantendo juntos o crescimento econômico e os cortes às emissões. Que perspectivas existem depois de Copenhague? Não existe um plano B. Não há uma alternativa à contenção dos gases do efeito estufa porque não temos um planeta de reserva: temos que defender a vivibilidade daquele em que habitamos. E por isso é preciso evitar que percamos mais tempo. Não podemos nos permitir falhar no próximo encontro: a cúpula do clima de 2010 na Cidade do México. É preciso chegar a acordos fortes, vinculantes e que possam ser medidos. Tudo vai ficar parado por 12 meses? Absolutamente não. A Terceira Revolução Industrial progride seja do alto como de baixo. Há os acordos quadro que fornecem o marco para as grandes estratégias, mas existem também as escolhas dos indivíduos e das administrações locais: nós temos de fato
1 - 1 of 1
Showing 20 items per page